O balanço da Expolazer 2011

O balanço da Expolazer 2011
agosto 11 12:28 2011 Imprimir Este artigo

A Expolazer – Feira Internacional de Piscinas, Spas e Ambientes de Lazer, terminou no sábado, dia 6 de agosto, e fechou sua 18ª edição com um potencial grande de crescimento para as próximas edições.

 

Segundo a gerente de negócios da Francal Feiras, Lúcia Cristina de Buone, além de altamente qualificada, a visitação foi expressiva: “A média de crescimento de compradores em relação à última edição realizada em são Paulo [2009] foi 50% maior”, compara.

 

Confira os destaques da feira:

A Cajumoro, que em sua estreia no evento lançou um guincho projetado para pessoas com pouca mobilidade ou necessidades especiais terem acesso a piscinas, está satisfeita com participação e mantém perspectivas de um retorno três vezes maior comparado ao faturamento atual da empresa: “Engenheiros e arquitetos acharam no equipamento a solução para diversos projetos. Pessoas olham o guincho como um apelo de qualidade de vida”, afirma Roberson Teixeira, diretor da empresa.

Motivada pelo volume de negócios, a Nautilus manteve boa movimentação no estande, a empresa garantiu uma participação superior a 2009, sobretudo no que se refere à divulgação das novidades.

De acordo com Thamara Bueno, do departamento de marketing, a aposta da empresa para esta edição da Expolazer, os sistemas de gerenciamento de bomba de calor por meio de telefone celular, teve boa saída.

De modo que apesar de ainda não ter os números do pós-evento consolidados, ela garante que os resultados apontam para uma expressiva melhora com relação a 2009.

Pela terceira vez na Expolazer, a argentina Vulcano recebeu um público específico e qualificado, o que possibilitou bons resultados e ótimos negócios para a empresa.“Tivemos um excelente resultado nesta edição, devido ao número de negócios fechados e visitantes no estande. Esperamos crescer 40% após a Expolazer”, acrescentou Monica Didyk, diretora Administrativa.

De acordo com o gerente comercial da Glasterm, Odair Toledo, já experiente nesse mercado, as vendas são importantes, mas o fortalecimento da marca traz bens excepcionais e isso pôde ser reforçado pelo novo produto da empresa: uma piscina em vinil com barreira química e pastilhas de vidro laminado como decoração, um diferencial no mercado.

Para Toledo, houve visitação qualificada e focada nos negócios. “Nós somos do Sul e se quisermos aumentar a nossa difusão, temos que vir a São Paulo e à Expolazer”, finaliza.

 

Com uma participação marcada por boas prospecções, a Genco espera que a participação no evento ajude a acompanhar o crescimento do mercado que a cada ano está em torno de 20%, segundo o gerente comercial, Hugo Lisboa, que revela: “Igualmente aos anos anteriores, viemos para manter os negócios e apresentar os produtos para novas empresas do mercado”.

Para Wilson Sallouti, diretor de marketing da Fasa, o perfil do visitante foi um aspecto interessante nesta edição: “A feira esteve mais focada este ano e isso é bom porque para nós a qualidade é o mais importante.“ Outro aspecto observado por ele foi a presença de visitantes internacionais: ”uma surpresa””, revela.

Para Wilson, iniciativas para atrair profissionais do setor, principalmente arquitetos, são sempre bem-vindas: “Acredito que o Espaçolazer é um começo, a partir de agora é interessante ampliar e consolidar a imagem da mostra”, conclui.

 

 

 

veja mais artigos

Sobre o Autor

Redação Reforma Fácil
Redação Reforma Fácil

Apresentar tudo que possa facilitar a vida de quem vai reformar, construir ou decorar, ajudando a tornar a empreitada bem sucedida com um grande volume de informações de projetos, produtos, serviços e obras.

Ver Mais Artigos
Escrever um comentário...

Nenhum Comentário

Seja o primeiro a comentar. Vamos adorar!

Você pode ser o primeiro a escrever um comentário .

Adicionar um comentário

Seus dados estarão seguro! O seu endereço de email não será publicado. Outros dados também não serão compartilhados com terceiros.
Todos os campos são obrigatórios.