Aquecimento, coberturas e lareiras garantem a proteção do frio

Aquecimento, coberturas e lareiras garantem a proteção do frio
maio 03 20:08 2009 Imprimir Este artigo

Aquecimento, coberturas e lareiras garantem a proteção do frio

 

A exemplo de outras regiões, o aquecimento global trouxe influências significativas para o clima curitibano. Mesmo com invernos cada vez menos rigorosos, continua grande a variação climática em um único dia.

No mercado imobiliário, estes fatores exercem muita influência na hora de encontrar o imóvel ideal, aquele que permita curtir o conforto térmico proporcionado pelo calor do verão. Mesmo que não seja voltado à face norte, casas e apartamentos podem ganhar um clima aconchegante no outono e no inverno com um bom projeto arquitetônico.

É o que garante a arquiteta Ana Padilha, que sugere opções como o aquecimento de piscina através de caldeira, cobertura ao estilo cúpulas e lareiras a gás, que além de esquentar também podem se transformar em adornos arquitetônicos de grande apelo decorativo e valorizar o imóvel na hora da venda.

“No que se refere à questão térmica, o ideal é que a casa seja planejada na concepção, mas um projeto arquitetônico pode assegurar um grande conforto aos moradores, de forma que a queda dos termômetros não venha interferir no lazer e no modo de vida dos moradores”, diz Ana Padilha.

No quesito aquecimento de ambientes, as lareiras a gás já têm grande aceitabilidade entre os consumidores. Segundo a arquiteta, elas se prestam com perfeição aos grandes ambientes porque é possível encomendar uma lareira estreita e com maior extensão da linha de fogo.

“Outra vantagem é que as lareiras a gás são mais simples de usar e evitam aquele trabalho extra para adquirir a lenha, guardá-la em local adequado, fazer o fogo, além da necessidade de uma limpeza periódica”, destaca a arquiteta.

Piscina

Se a idéia é garantir lazer o ano todo, independente do clima, outro recurso que funciona perfeitamente é o aquecimento de piscinas através de caldeiras, que além de manter a temperatura da água muito agradável, assegura também que o clima do ambiente esteja devidamente aquecido.

Ana Padilha também sugere a construção de cúpulas de vidro para servir como cobertura de piscinas. “Com o clima frio de Curitiba a única forma de aproveitar a piscina o ano todo é adotar um sistema de climatização de ambientes, além de uma cobertura como a cúpula de vidro que pode ser fixa ou retrátil, de acordo com cada projeto”, diz Ana.

Além de evitar aquele vento frio incômodo, as coberturas também valorizam e embelezam o imóvel. “Sem contar que o elemento transparente promove a integração dos ambientes interno e externo, que normalmente é pouco explorado”, finaliza a profissional. Via Bem Paraná

veja mais artigos

Sobre o Autor

Redação Reforma Fácil
Redação Reforma Fácil

Apresentar tudo que possa facilitar a vida de quem vai reformar, construir ou decorar, ajudando a tornar a empreitada bem sucedida com um grande volume de informações de projetos, produtos, serviços e obras.

Ver Mais Artigos
Escrever um comentário...

Nenhum Comentário

Seja o primeiro a comentar. Vamos adorar!

Você pode ser o primeiro a escrever um comentário .

Adicionar um comentário

Seus dados estarão seguro! O seu endereço de email não será publicado. Outros dados também não serão compartilhados com terceiros.
Todos os campos são obrigatórios.