Entenda o Processo Produtivo do Cimento

Entenda o Processo Produtivo do Cimento
agosto 05 11:58 2010 Imprimir Este artigo

Cimento Portland, foi o nome dado pelo químico britânico Joseph Aspdin ao tipo pó de cimento, em 1824, em homenagem à ilha britânica de Portland devido a cor de suas rochas. No mesmo ano, o construtor inglês Joseph Aspdin queimou conjuntamente pedras calcárias e argila, transformando-as num pó fino. Percebeu que obtinha uma mistura que, após secar, tornava-se tão dura quanto as pedras empregadas nas construções.

 O processo produtivo do cimento portland se divide na produção do clínquer portland e na produção de pozolana (argila ativada). As etapas do processo de produção do clínquer portland são: O calcário é extraído, britado e secado até uma umidade residual máxima de 2%; são adicionados ao calcário areia e materiais inertes como, por exemplo, carepa de laminação, esses materiais são analisados quimicamente, essa mistura proporcional é moída e se obtém a “farinha”; a farinha passa por um processo de homogeneização com ar comprimido e logo em seguida é estocado em silos; e por fim, é homogeneizada é colocada em um forno rotativo a uma temperatura aproximada de 1.450ºC, obtendo no final o clínquer portland.
 A American Portland fornece tecnologia para pequenas plantas de cimento, para aproveitar o máximo das vantagens competitivas que uma pequena planta de cimento oferece.

veja mais artigos

Sobre o Autor

Redação Reforma Fácil
Redação Reforma Fácil

Apresentar tudo que possa facilitar a vida de quem vai reformar, construir ou decorar, ajudando a tornar a empreitada bem sucedida com um grande volume de informações de projetos, produtos, serviços e obras.

Ver Mais Artigos
Escrever um comentário...

Nenhum Comentário

Seja o primeiro a comentar. Vamos adorar!

Você pode ser o primeiro a escrever um comentário .

Adicionar um comentário