Plantas e animais: dicas para uma boa convivência

Plantas e animais: dicas para uma boa convivência
março 29 14:10 2013 Imprimir Este artigo

Quase todo brasileiro com algum espaço em casa tem um cão. Segundo a Associação Brasileira das Indústrias Pet (Abinpet), são mais de 33 milhões desses bichinhos espalhados pelos lares do Brasil. Mas essa relação pode se tornar um problema quando o dono do cachorro tem outra paixão: as plantas. Plantas e animais: dicas para uma boa convivência. É que os cães, principalmente, são mestres em comer as plantas e cavar buracos em seus vasos, culminando na morte delas.

Plantas e animais: dicas para uma boa convivência

Todavia, seguindo algumas dicas da paisagista Erly Hooper, cães e plantas podem sim dividir o mesmo espaço e o coração de seus donos.

“Uma opção é colocar borra de café nos vasos. O cheiro forte afasta os cães e também gatos. Outra alternativa é forrar o vaso de planta com pedras. Elas impedem que os animais cavem a terra”, ensina a profissional.

No caso de jardins, Erly indica usar uma rede fina sobre as mudas e/ou sementes. Dessa forma, evita-se o contato dos animais com as plantas sem impedir o crescimento delas.

Plantas e animais: dicas para uma boa convivência. (Foto: Divulgação)

Plantas e animais: dicas para uma boa convivência. (Foto: Divulgação)

Outra dica importante é evitar plantas adocicadas. “Miolo de bromélia, por exemplo, é uma espécie que deve ser evitada, por ser doce, os animais adoram comê-la”, alerta a paisagista. Devem ser evitadas também plantas tóxicas, para que acidentes não ocorram.

“Comigo-ninguém-pode, costela-de-adão, espirradeira, azaléia, filodendro, bico-de-papagaio, trombeta-cheirosa, íris, tulipa e narciso são exemplos de plantas que não devem aparecer em locais onde há bichos de estimação. Elas podem causar vômito, diarreia, convulsões e salivação”, ressalta Erly.

A profissional aproveita para esclarecer o mito de que as fezes do cachorro e do gato podem ser usadas como adubo. Segundo ela, “somente dejetos produzidos por equinos e bovinos podem ser empregados dessa forma, já que esses animais se alimentam exclusivamente de vegetais”. Além disso, as fezes de bicho de estimação podem contaminar as plantas e acabar matando-as.

  Tags desta publicação:
  Categorias:
veja mais artigos

Sobre o Autor

Redação Reforma Fácil
Redação Reforma Fácil

Apresentar tudo que possa facilitar a vida de quem vai reformar, construir ou decorar, ajudando a tornar a empreitada bem sucedida com um grande volume de informações de projetos, produtos, serviços e obras.

Ver Mais Artigos
  1. Katia
    abril 01, 11:46 #1 Katia

    Gostei das dicas de preservação (a da borra de café é ótima!) e da informação sobre as plantas nocivas, assim como de saber que as de aroma adocicado atraem os bichinhos. Seria bom que todos os artigos veiculados pelo Reforma Fácil fossem úteis como este, em vez de apenas se restringirem ao óbvio.

    Responder este comentário

Adicionar um comentário

Seus dados estarão seguro! O seu endereço de email não será publicado. Outros dados também não serão compartilhados com terceiros.
Todos os campos são obrigatórios.